';

Academia para as guias

Academy for Self Liberation Guides

As Oásis Liberadas: um lugar de amor para ampliar a consciência, liberar-se e adquirir as técnicas para liberar os outros.
A sede da Selfniversity (Academia de Guias da liberação do Ser) se encontra no que chamamos de Oásis Liberada. A Oásis pilota (condutor) está localizada em Milão – O Oásis de Milão se chama “Oásis do grande Salto – Tantrika”.
O Oásis pilota foi fundado a partir de uma perspectiva muito ampla; a da Ecovila Planetária de Oásis Liberadas project Translife.
A Selfniversity na verdade tem como objetivo aquele de treinar as pessoas que pretendem duplicar o Oásis em outros lugares no mundo (neste caso, a duração é de dois anos) e permitir a conclusão do caminho individual de liberação (neste outro caso a duração é de um ano).
O biênio pode ser restringido de acordo com a preparação prévia da pessoa, disponibilidade de tempo e possibilidade de morar no Oásis por um período.
A Academia bienal para Guias de Liberação do Ser tem a finalidade de liberar os futuros guias e oferecer treinamento para todas as técnicas e todas as práticas energéticas necessárias para desbloquear os outros: Antimatriz, Mapeamento Bioenergético do programa-escravizante, Planos para saída da doublematrix, psicodramas, Tantra de Origem , técnicas xamânicas, psicologia da Liberação, desintoxicação, uso de serotonina e melatonina, conhecimento científico da epigenética, de vários mecanismos psicológicos e fisiológicos e muito mais.
O Guia também se torna então o professor dessas práticas e será suportado no campo, se decidir fundar um Oásis Liberada na qual possa duplicar o método da Liberação. Isso, como já mencionamos, faz parte do projeto Ecovila Planetária de Oásis Liberadas project Translife.

Resumo sobre a Selfniversity

Durante a fase educacional homem é programado pela matriz-vivente (sigla m-v), através da instilação em sua mente de uma rede feita de falsos valores, falsas crenças e falsos objetivos, usando os aparatos assimilativos da matriz-vivente: família, parentes, escola, instituições, mídia, música, literatura, etc.
A fim de proceder à assimilação, a matriz-vivente entrar na mente humana através da porta cerebral dos medos, que está na base do cérebro (ver: o sistema límbico), para depois instalar-se nos microtúbulos celulares (ver: microtúbulos memórias celulares) e utilizar as áreas subcorticais deputados à previsibilidade, também através da lógica e da racionalidade. Desta forma, o homem é deprimido energicamente e irreparavelmente porque, a partir desse momento, a quantidade do hormônio serotonina no corpo não será mais capaz de contrariar o aumento de energia negativa provocada pelo programa-escravizante. Além disso, o programa-escravizante determinará um declínio lento e progressivo das funções da glândula pineal e em cascada, a da glândula hipófise.

A instalação dos p-e (p-e é a abreviatura para: programa-escravizante = matriz-escravizante) na mente, na realidade, já começa quanto o feto está sendo formado, através dos mecanismos epigenéticos que criam as respectivas memórias genealógicas-epigenéticas (ver no motor de busca da web: memórias epigenéticas do trauma).
Já há milhares de anos, dos grandes iluminados, xamãs toltecas às escolas tântricas, até Freud, Reich, Osho, Krishnamurti, Gurdjieff e os autores do filme The Matrix, tinham intuído que o homem era programado e, sem saber, vivia em uma falsa realidade. Mas sem saber quem introduzia este programa, eles não foram capazes de discernir, na vida dos indivíduos, quais eram os elementos derivados do programa e quais não eram; e, portanto, nunca foi possível estruturar um caminho de liberação do homem que fosse além do Despertar, como o próprio Krishnamurti afirmou quando estava prestes a morrer.

Alem disso, não sendo capaz de explicar quem inserisse o programa, não foi possível por parte dos iluminados, provar indiscutivelmente que o homem era programado, deixando uma dúvida inevitável nas mentes dos seguidores; dúvida que prontamente levou, a grande maioria deles, à regressão na matriz (descontinuidade psíquica regressiva inconsciente).

Hoje, com a descoberta da doublematrix, o sonho dos iluminados da liberdade se realizou. A identificação do ser vivente não biológico que insere o programa permitiu, a partir de seus objetivos, decifrar precisamente o programa-escravizante, como ele funciona e, em seguida, dar vida a um caminho de liberação do Ser, que depois de sete milhões de anos (cientificamente nossos primeiros pais foram assimilados pela matriz-vivente a sete milhões de anos. Ver o livro Doublematrix Translife Revelation) dá início a uma nova era.

Em particular, a descoberta esclareceu que o programa não funciona com base a condicionamentos genéricos, mas sim, que é composto por 14 Ganglios físicos que, como subprogramas, interagem uns com os outros e são diferentes de indivíduo para indivíduo, dependendo das diferentes funções que estas pessoas têm na matriz (veja: saída da matriz, no livro Translife Revelation). Também foi descoberto que os Ganglios têm a capacidade de reconfigurar os programa-escravizante quando um deles é atacado. E isso explica a inutilidade dos caminhos espirituais de liberação antes da descoberta.

Especificamente, os glânglios dos programas-escravizantes são compostos por memórias e por modelos operativos internos (ver: MOI em neuros ciências) que utilizam à velocidade da luz (ver: biofotões), as memórias celulares holográficas (em detalhe ver vídeo no fundo da página) fenotípica, instaladas nos microtúbulos. A este respeito, especifica-se que as memórias não podem ser canceladas, porque elas são partes do corpo e se alguém se gabar de ser capaz de apagar ou mudar a sua vibração com máquinas quânticas, é uma farsa absurda. Em vez disso, é possível sobrepor memórias genotípicas através de práticas energéticas, teatros, psicodramas e na esfera da sexualidade, terapias tântricas.

Aqui está um resumo da estruturação do Caminho de Liberação do Ser que foi delineado após a descoberta da doublematrix.

1. Ler os Escritos Translife Revelation que permitem ao ator se tornar consciente, no plano mental, de:

– Como se chegou à descoberta;

– Do papel desempenhado pelo nascimento de novas ciências e a evolução de outras, ao longo dos últimos 15 anos (epigenética, sociobiologia, quantistica, neurociência, biologia, física);

– O que é doublematrix e como funciona;

– Como ele assimila e depois controla os homens;

– O papel das religiões, política, etc.

2. Mapeamento Bioenergético da matriz-escravizante que permite identificar a rede dos gânglios cerebrais instilados na mente, incluindo o Gânglio Raiz e Ganglios Condutores, e de focalizar quais as direções eles pressionam o indivíduo, sem que eles saibam, no devir (saída da matriz). O Mapeamento Bioenergético também permite prever tanto como o programa-escravizante procurará reconfigurar-se quando é atacado, como as variáveis de tais reconfigurações, que têm o objetivo de levar o ator para uma descontinuidade psíquica incônscia, com a finalidade de voltar ao estado anterior.

3. Plano de saída da doublematrix: de acordo com o Mapeamento Bioenergético, é preparado um plano individual específico que inclui a ajuda indispensável de práticas energéticas, necessárias para atacar os Ganglios Raiz + Condutores e evitar sua reconfiguração. O plano também está preparado para sobrepor novas memórias genotípicas sobre as fenotípicas anteriores, de matriz. Este plano visa, portanto, levar o ator, progressivamente, à todas as Descontinuidades Cônscias pilotadas necessárias para completar o próprio Caminho, ao interno do próprio Túnel da Liberdade.

4. Ao Guia será dado o acesso ao banco de dados da internet, para uso interno da Selfniversity, no qual existem centenas de páginas divididas por arquivo e catalogadas em um índice. Lendo os tipos de atores examina todos os temas específicos, não tratado nos Escritos: técnicas, métodos e variáveis. No banco de dados há também outro arquivo, o índice, com todos os links temáticos para artigos e vídeos de cientistas, sobre tópicos e descobertas cujo conhecimento é essencial para se tornar um Guia.

5. Considerações sobre as modalidades do possível uso da serotonina (na fase do Salto vibracional) e da melatonina, para aliviar o peso à glândula pineal e, assim, curar o funcionamento da hipófise.

6. Início do caminho no Oásis:
Depois de completar as fases anteriores, no Oásis, através de um longo processo de desprogramação individual, é cancelado progressivamente, o programa-escravizante, usando todas as técnicas que são ensinadas na Academia. Embora este seja um trabalho longo, que levará o ator a se tornar um Guia para a Liberação do Ser, isso leva imediatamente, já na fase inicial, a benefícios tangíveis extraordinários, devido ao primeiro Salto da Liberação quanto pelo conhecimento de outras pessoas no caminho; conhecimento que leva a iniciar uma nova vida de Liberados.

O que o Guia aprende na Selfuniversity

– Técnicas de meditação e centralização.

– Chaves de consciência.

– Maiêutica de Liberação – Antimatriz Individual.

– Técnicas de Antimatriz e proteção contra o programa-escravizante durante o curso – Técnicas de observação não empáticas.

– Técnicas de segurança para guias durante as conexões.

– Níveis de conexão bioenergética 1, 2 e 3 – Mapeamento bioenergético Método TQ2 e planos de saída da doublematrix.

– Psicologia da Liberação.

– A incidência na liberação da bipolaridade, transtorno de personalidade e depressão.

– Uso de serotonina nas fases do salto.

– Uso de melatonina.

– Terapias tântricas.

– Teatros e psicodramas.

– Transições de alimentos e Crudismo Vegano.

– Desintoxicação alimentar.

– Ritos tântricos.

– Massagens e massagens de cura.

– Massagens tantra.

– Terapias energéticas.

Outras informações

– O compartilhamento e a vida em comum, durante as reuniões, possibilitam consolidar o que foi aprendido através da experiência.

– Gerenciamento dos grupos de trabalho – Entrada no Núcleo cocriadores Translife e compartilhamento do Oásis

Na Selfniversity são aprendidas todas as técnicas necessárias para liberar o próprio Ser e os outros.

Para aqueles que pretendem fundar por sua vez, Oásis Liberadas, apoiados e ligados a TRANSLIFE, você pode em dois anos (ou antes, se você reside a tempo integral no Oásis, ou já tem mestres de disciplinas energéticos compatíveis com a Liberação) completar todos os caminhos residindo ocasionalmente no Oásis, indo nos fins de semana, ou sempre que possível (dependendo da sua configuração material de vida).

Deve ser adquirido um conhecimento profundo que a Liberação do Ser não é um caminho e nem tão pouco um ponto de chegada: é mais um estado, aquele no qual você vive expressando si mesmo.

Por outro lado, o caminho da Liberação do Ser é necessário para cancelar o programa-escravizante que se opõe à realização desse estado.

TRANSLIFE considera a formação dos Guias da Liberação do Ser e o desenvolvimento dos Oásis, o passo fundamental para dar apoio àqueles que querem liberar-se após a aquisição, através dos escritos, a informação que vem da nova descoberta. Também por este motivo, em uma escala econômica e temporal, o curso é customizado de acordo com a disponibilidade de tempo e meios e pode durar de dois anos a seis meses, se intensivo.

Aquele que vem a Selfniversity se torna parte do Núcleo de cocriadores TRANSLIFE e, em seguida, tem a possibilidade de usar todos os meios, as Oásis e o apoio, para desenvolver as atividades e disseminar a Liberação. Na Liberação não existem estruturas piramidais, é simplesmente solicitado às Guias de subscrever um compromisso de manutenção da liberdade e da exclusão de qualquer crença no “aqui e agora”.

A nível econômico, a contribuição de cada sócio é destinada exclusivamente para apoiar as atividades de divulgação, ensino e apoio para os Oásis Liberados e para os Guias.

Quando sente alguém pronto para livrar-se e nascer, verte uma outra água de consciência no jarro de vidro na qual vive;
A água transbordará e ele com ela e um outro irmão podem juntar-se ao mar.
Mas em primeiro lugar, certifique-se que você mesmo não vive em um jarro; é fácil de entender: uma alma que pode tomar outra pela mão, no breve momento em que explode a Liberação,
É feita de uma essência que não fala mais da verdade e sobre o que é justo fazer; porque depois, na imensidão do mar, a emoção de cada um será a guia.
A alma que “acompanha” retribui energia, não é um mestre.
Porque na liberdade e no amor, não há nada a fazer, mas apenas para viver.

Almalivre Rebelde